tudo sobre tecnologia

Celular Explosivo Galaxy Note 7

vinicius      sábado, 3 de setembro de 2016

Compartilhe esta página com seus amigos

Recentemente a Samsung lançou o novo Galaxy Note 7. Porém, o recém-lançado phablet tem gerado diversas críticas. A primeira seria pelo vidro, Gorilla Glass que risca facilmente, a segunda, a sua S-Pen que continua apresentando uma falha no design fazendo com que ela fique emperrada dentro do aparelho, algo que já acontecia no Note 5, mas não tão severamente.

Outra crítica seria a demora de seu lançamento em terras tupiniquins, que tinham pré-venda agendada para o dia 22 do último mês, porém não houve a chegada a tempo para inicio das vendas que seriam iniciadas no ultimo dia 24 de agosto devido a falta de unidades em estoque, sendo assim preciso o adiamento do lançamento em diversos outros mercados, mostrando que a demanda está muito acima da oferta, superando inclusive o previsto pela empresa sul-coreana.

Mas os problemas do novo Galaxy Note 7 estão longe de ter fim. Em menos de um mês de lançamento, o phablet teve seu primeiro caso de explosão.

Em um fórum chinês Baidu, um usuário relatou que seu recém-comprado phablet havia entrado em combustão após alguns minutos no carregador, como pode ser visto na foto abaixo:

Não se sabe ainda qual realmente foi a causa da explosão, mas segundo o relato do usuário, no momento em que aconteceu, o aparelho utilizava um conversor MicroUSB para USB tipo C, que vem de brinde na caixa do dispositivo para que o mesmo possa ser usado com acessórios de seus modelos prévios.

Esta não foi a única explosão relatada. São dezenas de casos em que o Galaxy Note 7 explodiu e pegou fogo por causa da bateria.

A solução da Samsung foi drástica: um recall do phablet e a suspenção da venda de novas unidades a consumidores até que seja resolvido o problema.

A decisão foi tomada hoje (02 de setembro) através de um comunicado oficial da empresa. O texto informa 35 casos de nível global detectados até agora, o que faz com que a empresa precise colocar em prática uma investigação para que o problema com a bateria seja resolvido.

Com estes casos, a empresa perdeu cerca de US$ 7 Bilhões (aproximadamente R$ 22,7 bilhões) em valor de mercado, sendo este um golpe gigantesco para a Samsung. Considerando que, os dispositivos móveis criados pela empresa são responsáveis por 54% dos lucros operacionais nos primeiros seis meses do ano.

A Samsung afirma ter encontrado a origem do problema: baterias defeituosas que foram enviadas por uma das fornecedoras. Mas o estrago já está feito, e tende a piorar visto que a Apple está para anunciar o novo Iphone 7 e o Iphone 7 Plus, principais concorrentes do Galaxy Note 7 além também dos outros smartphones da Samsung.

Comentários